Escrito por em 10 nov 2017 nas áreas Música coral, Programação, Rio de Janeiro

Concerto apresenta música de câmara e cenas de óperas.

 

O Female Cialis Coro de Câmara Lírico Feminino da Associação de Canto Coral (ACC) faz apresentação no dia 13 de novembro, às 19h30, na Igreja Presbiteriana de Copacabana, no Rio de Janeiro. O ingresso é 1 kg de alimento não perecível. Na regência e direção artística, Cláudio Ávila.

 

Coro de Câmara Lírico Feminino

Tem sua origem nos primórdios da Associação de Canto Coral, quando a diretora artística era a maestrina Cleofe Person de Mattos. Sua atual formação data de 2014, com o maestro, preparador vocal e pianista Cláudio Ávila. O repertório consta de música de câmara internacional e brasileira e coros de ópera com encenação. O atual diretor de cena é Manuel Thomas.

No trabalho com o coral, há uma preocupação com a emissão vocal, o uso do corpo e a cena. Além disso, existe um incentivo ao surgimento e aprimoramento de solistas. O Coral tem se apresentado em diversas Igrejas, como a Igreja Presbiteriana de Copacabana, Igreja Batista Itacuruçá na Tijuca, Igreja Católica São José na Lagoa, Igreja Nossa Senhora da Glória e Salas de Concerto, sempre emocionando a audiência com seu repertório e a beleza das vozes.

O lema deste coral é: Levar o canto a todo canto.

Sopranos IFátima Santana – Fernanda Cappelli – Julieta Malouf

prozac without prescription Sopranos II Buy grifulvin v online game Mariângela Marques – Sandra Villar – Carminda Olinda – Jussara Brito

MezzosElisabeth Babo -– Cláudia Jack – Lídice Meireles – Lolly Pastene – Ana Carolina

ContraltosMaria Helena Magalhães – Solange Sampaio – Marina Maia – Rita Cabus

 

Outros artistas envolvidos

Maestro, Preparador Vocal e Pianista: Cláudio Ávila
Diretor de Cena: Manuel Thomas
Participação: Paola Soneghetti – Soprano / Duda Ramos – Soprano / Rafael Siano – Barítono

 

PROGRAMA

Armando Prazeres
Salmo 150
– Coro

P. Pier Battista
O sanctissima anima
– Coral

Ralph Manuel
Aleluia  order caverta 25
– Coral

Gabriel Fauré
Libera me – do Requiem
– Rafael Siano

A. Lloyd Weber
Viagra Professional cheapest Pie Jesu – do Requiem
– Duda Ramos e Fernanda Cappelli

buy trazadone within the usa Franz Lehar
Vilia – da opereta A viúva alegre
– Coral – Fernanda Cappelli

J. Strauss Jr.
Mein herr Marquis – da opereta O morcego
– Coral – Maria de Fátima

Leonard Bernstein
I feel pretty – do musical/ópera West side story
– Coral – Duda Ramos – Fernanda Cappelli – Ana Carolina – Elisabeth Babo

Female Viagra buy Thomas A. Dorsey
Peace in the valley
– Sexteto: Mariângela Marques, Fernanda Cappelli, Lolly Pastene, Ana Carolina, Solange Sampaio e Marina Maia

George Bizet
how much benadryl for a 1 year old dog Toreador – da ópera Carmen
– Coral – Rafael Siano

 

order triamterene and hydrochlorothiazide Cláudio Ávila

Formado pela Pró-Arte, em Regência Coral e Análise Musical, e com Mestrando em Música pela UniRio. Purchase Estudou piano nos Conservatórios de Barra do Pirai, de Volta Redonda, e do Rio de Janeiro. Desde 1987, prepara técnica e musicalmente coros e solistas em óperas e em música de câmara. Como regente, preparou e regeu diversos Coros, dos quais podemos citar: o Coro do Teatro de Ópera do Rio de Janeiro e Maestro e Preparador Vocal do Coral Ars Plena, Female Cialis online fundado pelo Maestro Armando Prazeres, a quem substituiu.

Desde 2014 é o Maestro do Coral Feminino da Associação de Canto Coral. Como pianista-acompanhador ganhou o prêmio de melhor Correpetidor, no II Concurso de Canto Honorina Barra, em Curitiba. É possuidor de uma grande sensibilidade para preparar e acompanhar os cantores, seja em música de câmera ou ópera. Apresentou-se em diversas salas de concerto e acompanha grandes cantores brasileiros.

Trabalhou com os mais renomados professores de canto do Rio de Janeiro e de outros países como dos EUA, Alemanha e Holanda. Desde 2005, realiza concertos cênicos com a Cia. Canto Brasil, da qual é o Fundador e Diretor Musical. A Cia. conta com cantores experientes e também com aqueles que estão ingressando na carreira lírica.  O trabalho vocal desenvolvido pelo professor Cláudio Henrique Ávila tem como base o conhecimento da fisiologia vocal aliado à sensibilidade auditivo-sensorial. Segundo esta filosofia, o sucesso da voz só ocorre quando o cantor apreende a mecânica de seu aparelho vocal, apura seu ouvido e desenvolve sua expressão corporal, integrando na prática, esses três conceitos. Acima de tudo, o cantor precisa ser capaz de harmonizar o seu emocional: o bom canto busca o equilíbrio da voz em todas as regiões de emissão vocal, almejando uma voz com metal, veludo e clareza: para obter este resultado, faz-se necessário o equilíbrio emocional do cantor.

Em 2014 atuou, como Maestro Interno, Pianista e Organista, na ópera Suor Angélica, na série Order Ópera do Meio-dia, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. E ainda em setembro de 2014, foi um dos pianistas na realização da obra de Carl Off – Catulli Carmina – para quatro pianos, conjunto de percussão, solistas, coro e balé. Trabalhou na Casa da Arte e Cultura Julieta de Serpa, onde fez a direção musical e foi também o pianista do espetáculo Uma Tarde na Ópera. Atualmente é o pianista preparador da ópera Gianni Schichi, de G. Puccini, que irá estrear em dezembro de 2017.

 

 

SERVIÇO:

 

Coro de Câmara Lírico Feminino da ACC

Cláudio Ávila, regência

 

13 de novembro, segunda-feira, às 19h30

purchase prozac Igreja Presbiteriana de Copacabana (R. Barata Ribeiro, 335, Copacabana – Rio de Janeiro)

 

Ingresso: 1 kg de alimento não perecível

 

Faça seu comentário