Escrito por em 12 dez 2017 nas áreas Música de câmara, Programação, Rio de Janeiro

Orquestra Johann Sebastian Rio apresenta dois concertos em dezembro, com grandes composições do período Barroco.

 

A orquestra Johann Sebastian Rio preparou dois concertos para encerrar o ano com programas que reforçam a proposta barroca do grupo e celebram o clima natalino. O primeiro será no dia 17 de dezembro, domingo, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, e faz parte da série Domingo no Municipal, com ingressos a preço popular (R$ 1). Em seguida, no dia 21, quinta-feira, o conjunto se apresenta no RIOgaleão – Aeroporto Internacional Tom Jobim, com a participação especial da soprano Lina Mendes, um dos grandes talentos da nova geração de cantoras líricas.

Os repertórios dos dois concertos incluem obras de grandes compositores como Bach, Vivaldi, Corelli, Handel e Villa-Lobos. Algumas músicas que celebram as festas de final de ano também serão interpretadas no concerto do aeroporto, como Pie Jesu (Andrew Lloyd Webber), Noite Feliz (Franz Xaver Gruber) e White Christmas (Irving Berlin).

“Vamos fechar o ano com músicas que falam diretamente ao coração, em um momento tão delicado para o país e a cidade do Rio de Janeiro. Para o Theatro Municipal, preparamos um concerto que revela os talentos dos músicos da Johann como solistas em obras de três expoentes máximos do Barroco, nosso padrinho Bach, além de Vivaldi e Corelli, dois virtuoses que criaram belas peças para violino. No Galeão, a ideia é receber, em clima de confraternização, quem chega de viagem para passar o Natal no Rio”, comenta Felipe Prazeres, maestro e diretor artístico da orquestra.

 

Artistas:

Lina Mendes, soprano convidada
Recebeu o prêmio da Revista Concerto 2014 na categoria Jovem Talento pelo júri popular. Em 2014 integrou o Centre de Perfeccionament Plácido Domingo, na Espanha, e interpretou grandes personagens de compositores como Verdi, Mozart, Beethoven, Verdi, Berstein, entre outros. Solou em Carmina Burana (Orff), Die Schöpfung (Haydn) e Messias (Haendel).

Apresentou-se sob a regência de maestros como Isaac Karabtchevsky, John Neschling, Silvio Viegas, Ricardo Bologna, Carlos Spierer, Alan Guingal, nos principais teatros e salas de concertos do Brasil. Em 2015 fez seu début no Palau de les Arts de Valencia, na Espanha, como Musetta em La Bohème (Puccini). Solou com a Osesp o ciclo Cialis Soft buy Les Nuits d’Été (Berlioz) sob regência do maestro suíço Thierry Fischer. Recentemente, representou o Brasil no Brics Cultural Festival Xiamen, na China, cantando obras dos principais compositores eruditos brasileiros.

 

Felipe Prazeres, diretor artístico e fundador
Spalla da Orquestra Petrobras Sinfônica (Opes) e da Orquestra Sinfônica da UFRJ, maestro assistente de Isaac Karabtchevsky e regente da Academia Juvenil da Opes. Requisitado tanto no mundo clássico quanto nos circuitos alternativos como violinista e regente, atua em palcos de diversas cidades no Brasil e no exterior.

Há oito anos, se apresenta na série de música de câmara do Museu Vigeland, na Noruega. Representou o Brasil em Paris no ano Brasil na França, em 1996, e se apresentou na Alemanha, na Copa da Cultura, em 1998.

Com o Conjunto Calíope, se apresentou em Lisboa e Badajoz (Espanha). Em 2014, atuou como solista no tradicional Festival de Inverno de Campos de Jordão, com o pianista Jean Louis Steuerman. Em 2010, participou do projeto Democlássicos, idealizado por Heloisa Fischer, em que apresentava música clássica em casas noturnas com o intuito de democratizar o acesso a este estilo musical, excursionando por cinco capitais brasileiras. Desde 2011, desenvolve trabalhos mesclando a música clássica com a música popular e a eletrônica, com o objetivo de aproximar o grande público das salas de concerto.

 

Orquestra Johann Sebastian Rio
O nome da orquestra é uma homenagem ao compositor alemão Bach e à cidade do Rio. Sebastian faz referência ao padroeiro São Sebastião e a palavra bach, em alemão, significa ribeiro. A Johann Sebastian Rio é uma orquestra barroca pela sua aura leve e dançante, mas também contemporânea, e Bach é um dos compositores mais emblemáticos daquele período, tão inovador que permanece atual.

A orquestra foi criada em novembro de 2014 pelo violinista e regente Felipe Prazeres, diretor artístico do grupo, pela produtora Vanessa Rocha, diretora executiva, e pelos violistas Eduardo Pereira e Ivan Zandonade, que assinam a assessoria artística. O objetivo é renovar o público da música clássica e diversificar as formas de apresentação, produzindo espetáculos sensoriais que integram música e imagem com recursos como video mapping, iluminação, design e interação com outras artes. A proposta é explorar vários espaços como galerias, parques, casas noturnas e produzir clipes e teasers irreverentes para a internet.

O grupo é formado por 15 músicos, todos experientes e reconhecidos entre os principais conjuntos sinfônicos cariocas e brasileiros, integrantes da Petrobras Sinfônica, Orquestra do Theatro Municipal, Sinfônica da UFRJ, Sinfônica Brasileira e Sinfônica Nacional.

Integrantes: Felipe Prazeres*, Priscila Plata Rato, Maressa Carneiro, Tomaz Soares e Fábio Peixoto** (violinos I); Márcio Sanchez*, Thiago Teixeira, Luisa de Castro e Ana Catto (violinos II); Marco Catto*, Daniel Albuquerque e Ivan Zandonade (violas); Marcus Ribeiro*, Mateus Ceccato e Janaína Salles*** (violoncelos); Rodrigo Favaro (contrabaixo); Eduardo Antonello** e João Rival*** (cravo); Lula Washington (violão) (* líder de naipe | ** músico em licença | *** músico convidado)

 

PROGRAMAS

17 de dezembro | Theatro Municipal do Rio de Janeiro

J. S. Bach (1685-1750)
Concerto de Brandenburgo n. 3 BWV 1048

A. Corelli (1653-1713)
Concerto Grosso Op. 6 n. 8 para uma noite de Natal

A. Vivaldi (1678-1741)
Concerto para 2 violinos e 2 violoncelos, RV 575
Concerto para 4 violinos, RV 580

 

21 de dezembro | Aeroporto Internacional Tom Jobim

Participação da soprano Lina Mendes

A. Corelli (1653-1713)
Cialis Soft buy Concerto Grosso Op. 6 n. 8 para uma noite de Natal

H. Villa-Lobos (1887-1959)
Prelúdio das Bachianas n. 4

J. S. Bach (1685-1750)
Ária e gavotas

A. Lloyd Webber (1948-)
Pie Jesu

buy doxycycline online F. X. Gruber (1787-1863)
Noite Feliz

I. Berlin (1888-1989)
White Christmas

J. S. Bach (1685-1750)
Jesus Alegria dos Homens

G. F. Handel (1685-1759)
Ombra mai fu

 

Viagra Professional cheapest SERVIÇO:

 

Concertos de Natal

 

Female Viagra online buy doxycycline online Orquestra Johann Sebastian Rio

Lina Mendes, soprano

Felipe Prazeres, regência

 

17 de dezembro, domingo, às 11h30

Theatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano s/n, Centro – Rio de Janeiro)

 

Ingressos: R$ 1

 

21 de dezembro, quinta-feira, às 17h

RIOGaleão – Aeroporto Internacional Tom Jobim (Av. Vinte de Janeiro, s/n, Ilha do Governador – Rio de Janeiro)

 

Entrada gratuita

 

Faça seu comentário