Escrito por em 29 jan 2018 nas áreas Música de câmara, Programação, Rio de Janeiro

Obras para piano de Schumann a Chiquinha Gonzaga abrem a folia na Sala Cecília Meireles.

 

Já é Carnaval na Sala Cecília Meireles, no Rio de Janeiro. Nos dias 2 e 3 de fevereiro, sexta-feira e sábado, às 20h, obras para pianos de Schumann, Villa-Lobos, Edino Krieger, Saint-Säens, Egberto Gismonti e Chiquinha Gonzaga são apresentada por três destacadas artistas da atualidade: Maria Teresa Madeira, Lucia Barrenechea e Erika Ribeiro – com participação do percussionista Rodolfo Cardoso no dia 3. O recital chama-se Carnaval em Concerto e abre a série Vertigens.

 

ARTISTAS

Maria Teresa Madeira (foto de Marcio Monteiro)

Maria Teresa Madeira é bacharel em piano pela Escola de Música da UFRJ, mestre em Música pela Universidade de Iowa (EUA) e doutora pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio). Atuou ao lado de importantes orquestras e tem se apresentado com grandes músicos brasileiros e internacionais, sempre priorizando a divulgação da música brasileira. Especialista em Ernesto Nazareth, a pianista foi recipiente do Prêmio da Música Brasileira na categoria Melhor Álbum Erudito com seu trabalho A integral de Ernesto Nazareth por Maria Teresa Madeira, lançado em 2016.

 

Erika Ribeiro (foto de Ines Lampreia)

Conhecida pela elegância, inteligência e sutileza de suas interpretações, a pianista Erika Ribeiro é considerada uma das artistas mais expressivas de sua geração. Sua musicalidade singular e grande versatilidade combinam em sua carreira trabalhos como solista, recitalista e camerista. Vencedora de 10 concursos nacionais de piano – entre eles o 3º Concurso Nelson Freire – e premiada em mais de 20, Erika tem se apresentado como solista nas principais salas de concerto do país.

 

Lucia Barrenechea (foto de Clara Lira)

Lúcia Barrenechea, natural de Goiânia, Goiás, é professora de piano e música de câmara no Instituto Villa-Lobos da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Reconhecida como notável pianista camerista, tem se apresentado com grandes nomes em destaque no cenário nacional e internacional. Em 2013 lançou, em parceria com o violoncelista Hugo Pilger, o CD/DVD Presença de Villa-Lobos na música brasileira para violoncelo e piano, que foi finalista do 26º Prêmio da Música Brasileira.

 

Rodolfo Cardoso é doutor pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UniRio), na qual é professor de percussão e música de câmara. Atuou como primeiro solista (timpanista) em algumas das principais orquestras do país e participou como camerista das mais variadas formações, incluindo concertos no Brasil e exterior. Paralelamente, sempre atuou na área da música popular, tendo participado de shows e gravações com diversos artistas, entre cantores e instrumentistas.

 

PROGRAMA:

2 de fevereiro
Robert Schumann (1810-1856)
Carnaval de Viena, Op. 26: Allegro | Romanze | Scherzino | Intermezzo | Finale

Heitor Villa-Lobos (1887-1959)
Carnaval das Crianças: O Ginete do Pierrozinho | O Chicote do Diabinho | A Manhã da Pierrete | Os Guizos do Dominozinho | As Peripécias do Trapeirozinho | As Traquinices do Mascarado Mignon | A Gaita de um Precoce Fantasiado | A Folia de um Bloco Infantil
Viva o Carnaval (adapt. Maria Teresa Madeira)

Camille Saint-Saëns (1835-1921)
Carnaval dos Animais: Introduction et Marche Royale du Lion | Poules et Coqs | Hérmiones | Tortues | L’Élephant | Kangourous | Aquarium | Personnages à Longues Oreilles | Le Coucou au fond es Bois | Voliére | Pianistes | Fossiles | Le Cygne | Final

Chiquinha Gonzaga (1847-1935)
Abre-Alas (adapt. Maria Teresa Madeira)

 

3 de fevereiro
Robert Schumann (1810-1856)
Carnaval, Op. 9: Préambule | Pierrot | Arlequin | Valse Noble | Eusebius | Florestan | Coquette | Réplique | Papillons | Lettres Dansantes | Chiarina | Chopin | Estrella | Reconnaissance | Pantalon et Colombine | Valse Allemande | Paganini | Aveu | Promenade | Pause | Marche des Davidsbündler Contre les Philistins

Chiquinha Gonzaga (1847-1935)
Viva o Carnaval!
Abre-Alas (arr. Ronaldo Miranda)

Edino Krieger (1928-)
Variações Carnavalescas para Marimba: Prólogo | Fanfarra | Zé Pereira | Maracatu | Frevo | Sapucaí

Egberto Gismonti (1947-)
Palhaço (adapt. Lucia Barrenechea)
As Pastorinhas (adapt. Maria Teresa Madeira)

 

SERVIÇO:

 

“Carnaval em Concerto “

Maria Teresa Madeira, Lucia Barrenechea e Erika Ribeiro (pianos), e Rodolfo Cardoso (percussão)

 

2 e 3 de fevereiro, sexta-feira e sábado, às 20h

Sala Cecília Meireles (Largo da Lapa, 47, Centro – Rio de Janeiro. Tels. 21 2332-9223 e 2332-9224)

 

Ingressos: R$ 40 para cada concerto, com meia-entrada para estudante e pessoas com mais de 60 anos

 

Faça seu comentário