Escrito por em 11 mar 2018 nas áreas Musical, Programação, São Paulo

Peter Pan estreia em São Paulo com Daniel Boaventura como Capitão Gancho.

 

Quem nunca sonhou em aprisionar o tempo, sendo eternamente criança? Os desejos de Peter Pan povoam o inconsciente coletivo e seguem como um dos grandes anseios da humanidade. Não à toa, a fábula do menino que se recusava a crescer, criada por J. M. Berrie, é cada vez mais atual. Esse clássico tornou-se referência na literatura, no cinema e também no teatro. A versão da Broadway de Peter Pan finalmente ganha uma montagem brasileira, com Mateus Ribeiro no papel-título e Daniel Boaventura como Capitão Gancho. O espetáculo tem direção de José Possi Neto e está em cartaz até 15 de julho no Teatro Alfa, em São Paulo, em uma produção da Touché Entretenimento.

Para interpretar o personagem, Mateus foi selecionado por meio de audições, que tiveram mais de 4 mil candidatos. No palco, estarão também Bianca Tadini (Wendy), Maria Netto (Sra. Darling), André Dias (Smee), Carol Botelho (Tiger Lilly), Gabriel Cordeiro/Murilo Martins (John Darling), Henry Gaspar/Luís Prudêncio (Michael Darling) e grande elenco. São 29 atores, acompanhados por uma orquestra com 17 músicos. A direção musical é de Carlos Bauzys.

PeterPan e Capitão Gancho

A montagem de Peter Pan é um sonho antigo da produtora Renata Borges, que já trouxe ao país outros clássicos, como Cinderella (de Rodgers & Hammerstein), Sim, eu aceito e Como eliminar seu chefe. “É a primeira vez que Peter Pan, o original da Broadway, será encenado no Brasil. Faremos uma montagem nossa, não é uma franquia, mas com toda a grandiosidade que o espetáculo pede, traremos os técnicos de efeitos especiais e voos da Broadway”.

As audições foram realizadas em São Paulo, de 21 a 24 de agosto. A equipe que participou da seleção foi composta pela produtora Renata, José Possi Neto, Daniel Boaventura (coprodutor da montagem), Maria Netto (responsável pela seleção de elenco), o diretor musical Carlos Bauzys, o coreógrafo Alonso Barros e Bianca Tadini (autora da versão nacional do espetáculo, ao lado de Luciano Andrey). A ficha técnica traz ainda nomes como Thanara Schonardie (figurinos), Renato Theobaldo (cenógrafo) e Roberto Rolnik (cenógrafo assistente).

Peter Pan chegou à Broadway em 1954, e venceu três Tony Awards, incluindo melhor ator (Cyril Ritchard, o Capitão Gancho) e atriz (Mary Martin), que interpretou Peter, seguindo uma tradição de mulheres no papel-título do espetáculo. No Brasil, porém, a montagem escolheu um homem para viver Peter Pan. O musical é uma adaptação da peça de J. M. Barrie, de 1904, (que gerou também o livro Peter e Wendy). A música do original da Broadway é de Mark Charlap (com música adicional de Jule Styne) e a letra é de Carolyn Leigh (com letra adicional de Betty Comden e Adolph Green).

Em 1979, houve uma remontagem na Broadway, indicada aos Tony de melhor atriz (Sandy Duncan) e melhor revival. Em 1990, o clássico retornou mais uma vez à Broadway, concorrendo ao Tony de melhor revival e melhor atriz, Cathy Rigby, que reassumiu o papel em uma montagem de 1998, também indicada ao Tony de melhor revival.

 

Diretor

Um dos encenadores mais respeitados do país, José Possi Neto já dirigiu espetáculos como Três mulheres altas, com Beatriz Segall, Nathalia Thimberg e Marisa Orth; Tartufo, com Paulo Autran; De braços abertos, com Irene Ravache e Juca de Oliveira; além de inúmeros musicais, como New York, New York, com Alessandra Maestrini, e Mamonas; e shows de cantores como Gal Costa, Simone e Maria Bethânia.

 

Elenco:

Daniel Boaventura (Capitão Gancho / Sr. Darling), Mateus Ribeiro (Peter Pan), Bianca Tadini (Wendy), Maria Netto (Sra .Darling), Gabriel Cordeiro / Murilo Martins (John), Henry Gaspar / Luís Prudêncio (Michael), Pedro Navarro (Smee), Carol Botelho (Tiger Lilly), Diego Martins, Bernardo Berro, Bruno Boer, Matheus Paiva, Vinicius Teixeira e Fellipe Guadanuci (Meninos Perdidos), Karina Mathias (Jane / coro feminino / cover Wendy), Giselle Lima (coro feminino / cover Sra. Darling), Giu Mallen (coro feminino / cover Tiger Lilly), Mariana Amaral (coro feminino), Thaís Piza (Liza e coro feminino), Gabriel Quirino, Gustavo Della, Lucas Nunes, Marco Azevedo e Renan Mattos (coro masculino), Vanessa Costa (swing e Dance Captain), Vittor Fernando (swing Menino Perdido)

Wendy e Peter

 

Fotos: Leo Aversa

 

SERVIÇO:

 

“Peter Pan, o Musical”

Com Daniel Boaventura, Mateus Ribeiro e grande elenco

José Possi Neto, direção

 

De 8 de março a 15 de julho, quintas e sextas-feiras, às 20h30; sábados, às 16h e 20h; e domingos, às 17h

Teatro Alfa (R. Bento Branco de Andrade Filho, 722, Santo Amaro – São Paulo. Tel.: 11 5693.4000 / 0300 789-3377)

 

Ingressos: quintas e sextas-feiras: R$ 190 (setor premium), R$ 160 (setor VIP), R$ 120 (plateia), R$ 60 (balcão I), R$ 50 (balcão II); sábados e domingos: R$ 210 (setor premium), R$ 180 (setor VIP), R$ 140 (plateia), R$ 60 (balcão I), R$ 50 (balcão II), com meia-entrada para estudantes e pessoas com mais de 60 anos

 

Sugestão etária: livre

 

Faça seu comentário