Escrito por em 16 maio 2018 nas áreas Música sinfônica, Programação, Rio de Janeiro

Orquestra e o maestro Isaac Karabtchevsky recebem o pianista no dia 19 de maio, no Rio de Janeiro.

 

O pianista Fabio Martino, um dos principais nomes da nova geração de instrumentistas brasileiros, com mais de 20 prêmios ao redor do mundo, é o primeiro convidado da temporada 2018 da série Portinari da Orquestra Petrobras Sinfônica (Opes). O encontro dos músicos com o maestro Isaac Karabtchevsky ocorre no dia 19 de maio, às 16h, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

O repertório conta com a abertura de O Barbeiro de Sevilha, um dos trabalhos mais famosos de Gioacchino Rossini; os três primeiros movimentos de Concerto para piano em lá menor, Op. 53, de Robert Schumann; e a íntegra do Concerto para orquestra, de Bela Bartók.

 

Fabio Martino

Fabio Martino começou a tocar piano já aos 5 anos, no instrumento que pertenceu à sua avó, uma professora em São Paulo. Dezessete anos mais tarde – após uma rigorosa formação nas principais universidades do Brasil e Alemanha –, comprou seu primeiro instrumento com o prêmio ganho no maior concurso internacional de piano da América Latina, o BNDES.

É detentor de mais de 20 primeiros lugares em competições de piano e em 2017 conquistou o 2° lugar no Prêmio Alemão de Pianistas e o 3° lugar no IV Concurso Internacional de Concertos para Piano e Orquestra de Shenzhen (China). É considerado ousado e ao mesmo tempo aberto a desafios no cenário pianístico internacional.

Como um dos pianistas mais requisitados internacionalmente da sua geração, Martino interpreta concertos para piano e orquestra de Prokofiev, Rachmaninov, Beethoven, Mozart, Schumann, Medtner, Bartók, entre tantos outros, acompanhado por importantes orquestras nacionais e internacionais como Osesp, OSB, Filarmônica de Minas Gerais, Badische Staatskapelle, Sinfônica da Rádio da Baviera, Sinfônica de Berlim, Filarmônica de Stuttgart, Filarmônica de Duisburg, Sinfônica de Shenzhen, entre tantas outras.

Seu último CD, Passion, gravado em coprodução com a rádio alemã SWR, contém, ao lado de obras de Beethoven, Liszt e Schumann, a 1ª audição mundial do Tico-Tico no Fubá em um arranjo extremamente desafiador e sofisticado de Marc-André Hamelin. “Não é somente virtuoso, é também vibrante e de ‘cair da cadeira’! Grandioso!” – escreveu Guido Krawinkel para a revista Klassikheute, dando pontuação máxima ao CD.

Críticos denotam Fabio Martino como um “talento excepcionalmente fenomenal” e o comparam com Nelson Freire, Martha Argerich, Claudio Arrau, Sviatoslav Richter e Vladimir Horowitz.

 

Orquestra Petrobras Sinfônica

Aos 46 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como diretor artístico e regente titular o maestro Isaac Karabtchevsky, um dos mais respeitados regentes brasileiros e um nome consagrado no panorama internacional.

 

Foto: Fabio Furtado

 

SERVIÇO:

 

Orquestra Petrobras Sinfônica

Fabio Martino, piano

Isaac Karabtchevsky, regência

 

19 de maio, sábado, às 16h

Theatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano, s/n, Centro – Rio de Janeiro. Tel.: 21 2332-9191)

 

Ingressos: R$ 96 (plateia e balcão nobre), R$ 50 (balcão simples), R$ 20 (galeria) e R$ 576 (camarote e frisa), com meia-entrada para estudantes e pessoas com mais de 60 anos

 

Capacidade: 2.252 lugares

Sugestão etária: livre

 

Faça seu comentário