Escrito por em 9 dez 2018 nas áreas Música de câmara, São Paulo

Trata-se do CD “Eudóxia de Barros aos 70 anos de carreira, em 2015″

Eudóxia de Barros, que não para de fazer concertos de alto nível, vai nos proporcionar mais um espetáculo na Sociedade Brasileira de Eubiose. Aproveita ainda essa data e local para o lançamento do seu último CD “Eudóxia de Barros aos 70 anos de carreira, em 2015” . Esse CD é o seu primeiro CD independente e representa uma vitória para ela por ter conseguido driblar todos os percalços que o antecederam, como até mesmo a necessidade de apelar para a Justiça; daí ser uma comemoração emocionante, que ela quer compartilhar com todos os seus admiradores, que a têm privilegiado com sua amizade e presença.

 

PROGRAMA

Bach
Prelúdio da “Cantata da Eleição”

Scarlatti
Sonata no. 164 ( Longo )

Beethoven
Rondó a capricho sobre o tostão perdido, Op. 129

Grieg
Sonata op. 7 em mi menor 
– Allegro moderato
– Andante molto
– Alla Menuetto, ma poco più lento
– Finale, molto Allegro

Chopin 
Noturno póstumo em dó sustenido menor

Liszt
Rapsódia no. 6

Alda Oliveira ( 1945 )
Cajá-jaca-já

Jean Goldenbaum ( 1982 )
Nostalgia Brasileira ( homenagem a Osvaldo Lacerda )

Osvaldo Lacerda ( 1927 – 2011 )
Estudo no. 6

Ernesto Nazareth ( 1863 – 1934 )
Sarambeque ( Tocata )

Jorge Antunes ( 1942 )
Valsinha da Eudóxia

Villani Côrtes ( 1930 )
Valsinha de roda

Zequinha de Abreu ( 1880 – 1935 )
Alma em delírio

Camargo Guarnieri  ( 1907 – 1993 )
Dança Selvagem

 

SERVIÇO

 

Eudóxia de Barros na Sociedade Brasileira de Eubiose

Dia 15 de dezembro, sábado, às 20h

Sociedade Brasileira de Eubiose (Av. Lacerda Franco, 1059 – São Paulo, SP – 11 3208 9914)

Ingressos : R$30,00 e R$15,00

Estacionamento em frente, nº 1074 – Academia Monday

Preço promocional : R$ 20,00

Haverá um coquetel após o concerto .

 

 

REPERTÓRIO do CD 

Ernesto Lecuona  (1895–1963)
Damisela Encantadora

D. Kabalewsky (1904–1987)
Sonata op. 46, no. 3
– Allegro com moto
– Andante cantábile
– Allegro giocoso

Rachmaninoff (1873–1943)
Prelúdio em Sol menor, op.23, no. 5

Ernst Mahle (1929)
Tocatina
– Dedicada a Eudóxia de Barros

Souza Lima (1898–1982)
Prelúdio no. 10
– Dedicado a Eudóxia de Barros

Fernando Cupertino (1959)
Primeira Valsa (das “Duas Valsas”)

Eduardo Escalante (1937)
Marcha

Camargo Guarnieri (1907–1993)
Estudo no. 10
– Dedicado a Eudóxia de Barros

Antônio Ribeiro (1971)
Estudo no. 2
– Dedicado a Eudóxia de Barros

Osvaldo Lacerda (1927-2011)
Cromos – 4o. caderno :
– Mixolídio
– Dórico
– Lídio
– Pentafônica

Osvaldo Lacerda (1927-2011)
Estudo no. 12
– Dedicado a Eudóxia de Barros

Ernesto Nazareth (1863–1934)
Odeon ( tango )

Ernesto Nazareth (1863–1934)
Apanhei-te, cavaquinho ( polca )

Gottschalk
Grande Fantasia Triunfal sobre o Hino Nacional Brasileiro

 

Faça seu comentário