Escrito por em 6 fev 2019 nas áreas Canto, Lateral, Notícia, Rio Grande do Sul

As inscrições para a seleção poderão ser feitas a partir de 10 de fevereiro

A Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) inicia o ano de 2019 com uma boa notícia para os cantores de Porto Alegre e arredores: o Coro Sinfônico da Ospa, um dos principais grupos corais do Estado, procura novos integrantes. As inscrições estarão abertas a partir do dia 10 de fevereiro, domingo, e podem ser realizadas até 1º de março.

Os interessados devem encaminhar a solicitação da ficha de admissão pelo email corosinfonicoospa@gmail.com. Posteriormente, após o preenchimento do formulário, serão agendados os encontros para a prova. Os candidatos devem ter experiência em canto coral, conhecimento teórico-musical básico e tempo disponível para ensaios e apresentações.

A avaliação ocorrerá no início de março na Sala do Coro Sinfônico da Casa da Música da Ospa, que fica no Centro Administrativo Fernando Ferrari (CAFF). No dia 8, sexta-feira, as audições serão das 18 às 22h, e no dia 9, sábado, das 14 às 18h. A prova aborda aspectos como solfejo simples, aptidão vocal, ritmo e afinação.

Os ensaios acontecem no mesmo local nas terças, quartas e sextas-feiras, das 19h30 às 22h. Na mais recente temporada da Ospa, o Coro Sinfônico da orquestra se destacou na interpretação da “Sinfonia nº 9” de Beethoven e do “Réquiem Alemão”, de Brahms, entre outros espetáculos. A Temporada 2019 da orquestra reserva, mais uma vez, uma agenda movimentada para o grupo. A programação completa, com detalhes sobre repertórios e solistas, será lançada no dia 27 de fevereiro.

Mais informações pelo site www.ospa.org.br ou pelo telefone (51) 32227387.

 

Coro Sinfônico da Ospa

O Coro Sinfônico da Ospa é formado por, aproximadamente, 80 cantores voluntários que se dedicam a interpretar grandes obras. Além de participações marcantes na programação da Ospa, inclusive em montagens operísticas encenadas, o grupo também realiza concertos à capela, em diferentes cidades do estado, e com outras orquestras ou grupos instrumentais. Em seu repertório estão obras de Beethoven, Mahler, Gounod, Brahms, Bach, Händel, Haydn, Vivaldi, Verdi, Puccini, Bizet, Orff, Rachmaninoff, Stravinsky, Rimsky- Korsakov, Tchaikovsky, Mussorgsky, Borodin, entre outros.

 

Faça seu comentário