Escrito por em 14 mar 2019 nas áreas Lateral, Notícia, Rio de Janeiro

Conheça todas as datas e parte dos elencos da programação anunciada até julho

No ano em que comemora 110 anos de existência, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro anuncia a primeira parte da sua temporada 2019, com atrações entre março e julho. Com espetáculos que privilegiam a participação dos corpos artísticos (Coro, Ballet e Orquestra do TMRJ), apostando em jovens artistas e trazendo de volta ao palco mais importante do país artistas internacionalmente consagrados.

Conheça os espetáculos do Theatro Municipal para o primeiro semestre:

 

– Dias 15 (às 20h) e 17 (às 17h) de março

Côndor, ópera em três atos de Carlos Gomes, em forma de concerto

A última ópera composta por nosso mais genial compositor de óperas será apresentada sob o formato de concerto, com a Orquestra e o Coro do TMRJ, e Eliane Coelho e Fernando Portari como protagonistas, sob a regência do maestro Luiz Fernando Malheiro. A récita do dia 17 é popular, com todos os ingressos a R$10.

 

 – Dias 20, 21, 25,26,27 e 28 de abril 

 As Noites de Berlioz

Balé clássico que marca a estreia na coreografia de Thiago Soares, primeiro-bailarino do Royal Ballet de Londres. Uma homenagem aos 150 anos de morte de Hector Berlioz, o novo balé terá a regência do maestro Carlos Prazeres, titular da Orquestra Sinfônica da Bahia. No programa, a OSTM irá interpretar, de Berlioz, dois movimentos da Sinfonia Fantástica, a abertura Carnaval Romano, a Marcha Troiana da ópera Les Troyens e o ciclo de seis canções Les nuits d’été, com poemas de Theophile Gauthier. As canções terão como solistas Cinthia Fortunato (soprano), Lara Cavalcanti (mezzosoprano) e Geilson Santos (tenor).

 

Dias 6 e 7 de abril

Jardim das Emoções e A Flauta Mágica

Espetáculo com o corpo de baile da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa, escola de dança do Theatro Municipal.

 

Dia 14 de abril

Recital do tenor Fernando Portari

Em comemoração aos 30 anos da estreia de Portari no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

 

Dia 23 de abril

Recital do soprano Eliane Coelho

A mais importante cantora lírica brasileira – estrela da ópera de Viena com destacada carreira de três décadas na Europa, em teatros como o Alla Scala, Ópera de Paris, etc. – fará um recital com música de câmara, acompanhada pelo pianista Luiz Gustavo de Carvalho.

 

Dias 10,12,16, 18 e 19 de maio

Os contos de Hoffmann, ópera de Jacques Offenbach, em forma de concerto

Em comemoração pelos 200 anos de nascimento do compositor francês, com o Coro e a Orquestra do Theatro Municipal, sob a regência de Roberto Tibiriçá. Eric Herrero fará o papel-título, com Marina ConsideraLudmila Bauerfeld e Vinícius Atique encabeçando um grande elenco solista.

 

Dia 2 de junho

Concerto para Violino e Orquestra, de Max Bruch, tendo como solista Ricardo Amado, spalla da Orquestra Petrobras Sinfônica; e a Sinfonia nº 6, de Anton Bruckner.

 

Dia 16 de junho

Homenagem ao maestro e compositor Cláudio Santoro – com regência de Marcelo de Jesus, o espetáculo terá as obras Canto de Amor e Paz, Canções de Amor e Sinfonia nº 4 (Sinfonia da Paz) do artista amazonense, nos 100 anos do seu nascimento. A soprano Rosana Lamosa será solista.

 

Dia 9 de junho

Festival do Fado – Carminho e António Azambuja

 Em uma parceria com o Turismo de Portugal, os novos ícones do fado português fazem show no palco do Theatro Municipal e no Salão Assyrio.

 

Dia 7 de julho

Grandes vozes no Rio de Janeiro

Grande destaque da programação, a série traz estrelas da ópera internacional em apresentações únicas no Brasil e na América Latina. A estreia do projeto, que tem curadoria do diretor de elenco da Ópera de Paris, Ilias Tzempetonidis, e do diretor artístico do Theatro Municipal, André Heller-Lopes, será com o tenor italiano Vittorio Grigolo, sob a regência de Luiz Fernando Malheiro. A série segue com concertos em agosto, outubro e novembro e já tem artistas agendados para 2020 e 2021.

 

Dias 14,17, 19, 21,24,26 e 28 de julho

Fausto, ópera de Charles Gounod

 A famosa ópera de Gounod, ausente do palco do Municipal há mais de 50 anos, terá a elogiada montagem criada para o Festival Amazonas de Ópera. Essa mesma montagem segue, em novembro, para o Teatro Municipal de Santiago, no Chile. Para a versão do Rio de Janeiro será criado especialmente o balé da Noite de Walpurgis, inédito. O espetáculo é assinado pela dupla de novos diretores do TMRJ, André Heller-Lopes (artístico) e Luiz Fernando Malheiro (musical). No elenco, Atalla Ayan, Gabriella Pace, Giovanni Tristacci, Flávia Fernandes, Homero Perez e Homero Velho.

Faça seu comentário