Escrito por em 8 abr 2019 nas áreas Lateral, Música sinfônica, Programação, Rio de Janeiro

Com regência de Felipe Prazeres, o concerto acontece no Theatro Municipal RJ

No próximo dia 13/04, sábado, a Orquestra Petrobras Sinfônica dá início à temporada 2019 com a série vespertina Portinari. Com Felipe Prazeres como regente, o concerto conta com obras dos compositores Richard Wagner e Richard Strauss, homenageado pelos 70 anos de morte.

No programa estão três aberturas das mais icônicas óperas de Wagner, como “Rienzi”, “Tristão e Isolda” e “Tannhäuser”, uma das mais conhecidas do público. De Strauss a OPES interpreta a “Assim falava Zarathustra”, inspirado na obra homônima, escrita por Friedrich Nietzsche. Com cerca de 100 músicos no palco, a obra é facilmente identificada pelo público, pois sua introdução tornou-se mundialmente conhecida como tema musical do filme “2001: Uma odisseia no espaço”.

 

Orquestra Petrobras Sinfônica

Aos 47 anos, a Orquestra Petrobras Sinfônica se consolida como uma das mais conceituadas do país e ocupa um lugar de prestígio entre os maiores conjuntos musicais da América Latina. Criada pelo maestro Armando Prazeres, a orquestra conta com uma formação de mais de 80 instrumentistas e tem como Diretor Artístico e Regente Titular o maestro Isaac Karabtchevsky, o mais respeitado regente brasileiro e um nome consagrado no panorama internacional.

Modelo de gestão: A Associação Orquestra Pró Música do Rio de Janeiro, entidade que administra a orquestra, possui uma proposta administrativa inovadora, sendo a única orquestra do país gerida por seus próprios músicos.

Sobre a PETROBRAS: A Petrobras completa 32 anos de patrocínio da Orquestra Petrobras Sinfônica em 2018. Através do Petrobras Cultural, a companhia busca contribuir para o fortalecimento das oportunidades de criação, produção, difusão e fruição da cultura brasileira, para a ampliação do acesso dos cidadãos aos bens culturais e para a formação de novas plateias. Esta parceria é essencial para manter a Orquestra Petrobras Sinfônica entre os principais conjuntos da América Latina, sempre desenvolvendo um importante trabalho de democratização da música clássica e de renovação do público do gênero.

Outros apoios e patrocínios: A Petrobras Sinfônica conta ainda com os apoios culturais de: UCI, Consulado da Argentina, Windsor Hotéis, Rádio MEC FM e JLT Brasil.

 

PROGRAMA

Richard Wagner
Rienzi, WWV. 49
– Abertura

Richard Wagner
Tristão e Isolda, WWV.90
– Vorspiel und Liebestod (Prelúdio e Morte de Isolda)

Richard Wagner
Tannhäuser, WWV. 70
– Abertura

Richard Strauss
Also Sprach Zarathustra, Op.30 (Assim falava Zarathustra)

 


SERVIÇO

 

Orquestra Petrobras Sinfônica abre a série Portinari

Dia 13 de abril, sábado, às 16h

Theatro Municipal do Rio de Janeiro (Praça Floriano, S/N – Centro – Rio – (21) 2332-9191)

Ingressos: R$ 96 (plateia e balcão nobre); R$ 50 (balcão simples); R$ 20 (galeria); R$ 576 (camarote e frisa). Desconto de 50% para idosos e estudantes.

Ingressos na bilheteria e no site ingressorapido.com.br

Classificação: livre

 

Faça seu comentário