Lucia de Lammermoor: 14 e 15.05 no TMRJ

Escrito por em 16 maio 2011 nas áreas Crítica, Ópera

p>A situação de crise e polêmica criada nestes últimos dias no ambiente musical do Rio de Janeiro, provocada pela saída do diretor artístico do TMRJ Roberto Minczuk, pelas sérias divergências com  instrumentistas da OSB e por muitas outras querelas, com demissões e requisição de exames de suficiência daqueles musicistas, é marcada por um estado de ânimo nada positivo, que se refletiu nas duas récitas iniciais da ópera LUCIA DI LAMMERMOOR, de Donizetti, encenadas a 14 e 15 de maio corrente no TMRJ.

A Lucia, de Donizetti, no Municipal do Rio

Escrito por em 16 maio 2011 nas áreas Crítica, Ópera

O interesse que desperta no público ainda hoje e desde 1835, quando a ópera estreou no Teatro San Carlo de Napoli, é conferir a agilidade e a técnica do soprano de coloratura que interpreta a Lucia, verdadeiro marco na história da ópera, que é esse personagem. Vários sopranos ficaram famosos nesse papel: A. Galli Cursi, Mado Robin, Lilly Pons, Maria Callas, Beverly Sills e Joan Shuterland. No Brasil Bidu Sayão e Niza de Castro Tank.

Curso de Ópera: maestro brasileiro no México

Escrito por em 14 maio 2011 nas áreas Notícia, Ópera

O maestro brasileiro Jorge Lisbôa Antunes, regente titular da Orquestra Ars Hodierna, será um dos integrantes do corpo docente do famoso Curso de Verão OPERAMAYA, no México.