Música de câmaraProgramaçãoSão Paulo

Quarteto de Cordas convida Léa Freire

Única data de apresentação do grupo com a flautista e compositora

O Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo faz uma apresentação especial no dia 27 de setembro, quinta-feira, executando composições de Léa Freire e em companhia da própria flautista e compositora, que junta-se ao quarteto em único encontro.

No repertório deste encontro estão músicas como Sambito, Turbulenta, Vento em Madeira, Fé e Deixa Estar, entre outras composições de Freire.

 

Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo

Corpo artístico do Theatro Municipal, o Quarteto de Cordas é formado por Betina Stegmann e Nélson Rios, nos violinos; Marcelo Jaffé, na viola e Rafael Cesário no violoncelo. “Fizemos mais trabalhos em paralelo com a Léa e já era hora de ela vir tocar conosco. Vamos fazer um programa com o repertório desta compositora, pianista e flautista que tem uma intensa trajetória na música brasileira”, elabora o violista do grupo. Em sete oportunidades o grupo ganhou o prêmio de Melhor Conjunto Camerístico da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e por três vezes o Prêmio Carlos Gomes.

 

Léa Freire

Léa Freire cresceu cercada pela música e ouvia desde cedo eruditos brasileiros como Camargo Guarnieri, Radamés Gnattali e Villa-Lobos em seus estudos de piano, ao lado de Bach, Debussy e outros compositores estrangeiros. Depois adotou a flauta como instrumento, onde é autodidata e criou sua marca musical.  Cantou 15 anos em coral, ao mesmo tempo em que se interessava pelo jazz, que a levou para a bossa nova, que a chamou para o choro e que lhe mostrou o caminho para os inúmeros ritmos brasileiros.

Tocando com a nata da música brasileira, tornou-se flautista improvisadora e celebrada compositora – suas parcerias com Joyce Moreno foram lançadas no Brasil, Japão, Alemanha e Inglaterra.  Lançou o primeiro disco, Ninhal, em 1997, quando também inaugurou a gravadora Maritaca, então vários outros discos vieram na sequência, entre eles, Cartas Brasileiras (2007), que tornou-se panorama da música instrumental paulista contemporânea, envolvendo mais de 60 músicos em diversas formações.

Há 20 anos, mantém a gravadora Maritaca dedicada a promover o rico cenário instrumental brasileiro, com cerca de 50 álbuns lançados no catálogo. Seu mais recente trabalho como música é o disco “A Mil Tons”, lançado em parceria com Amilton Godoy, com composições do celebrado pianista executadas em duo com a flautista. O duo realiza turnês no exterior e parcerias com músicos estrangeiros como Harvey Wainapel e Jane Lenoir.

 

 

SERVIÇO:

 

Quarteto de Cordas & Léa Freire

 

27 de setembro, quinta-feira, às 20h

Sala do Conservatório – Praça das Artes (Av. São João, 281, Centro – São Paulo)

 

Ingressos: R$ 20, com meia-entrada para aposentados, maiores de 60 anos, professores da rede pública e estudantes)

 

Recomendado para maiores de 7 anos

 

Faça seu comentário
movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.