Música contemporâneaProgramaçãoRio de Janeiro

“Tangos hermanos” no Teatro da UFF

Espetáculo com o grupo LiberTango à frente.

 

Com mais de 20 anos de carreira, o trio LiberTango traz ao Teatro da UFF, em Niterói, nos dias 5 e 6 de outubro, sempre às 20h, o seu novo espetáculo Tangos hermanos. Formado pela pianista argentina radicada no Brasil, Estela Caldi, e dois dos seus filhos, Alexandre Caldi (sopros) e Marcelo Caldi (acordeom), o trio é conhecido por apresentar uma liberdade criativa, em reverência à obra de Piazzolla, mas se permitindo cada vez mais avançar numa proposta contemporânea, abrindo fronteiras rumo a uma linguagem universal do tango, em seu diálogo com a música clássica.

Nascido e consagrado na Argentina, o tango ganhou o mundo com a dança e também a partir da obra de Piazzolla, que inseriu o gênero nas mais respeitadas salas de concerto. No Brasil, ainda há quem se lembre dos sucessos de Carlos Gardel, entre os anos 1920 e 1940. Com este novo trabalho, o LiberTango reafirma a extraordinária força do ritmo latino e o insere definitivamente na agenda musical brasileira do século 21.

As celebrações em torno dos 150 anos de nascimento de Ernesto Nazareth em 2013 foram uma das razões que levaram o trio a assumir as raízes do chamado tango brasileiro. O resultado dessa nova fase está em peças que trazem releituras tangueadas do compositor, como Encantada, Tenebroso, Nove de julho e Plangente.

Estela Caldi acredita que o caminho da família, de agora em diante, é o de aprofundar a pesquisa em outros autores brasileiros, mas sem deixar para trás os geniais compositores de sua terra natal. Prova disso está em Bandoneon, em que Marcelo Caldi transpõe para a sanfona as minúcias e sonoridades semelhantes à versão original do bandoneon de Astor Piazzolla.

 

LiberTango, um tango em família

O grupo LiberTango mantém vivo o legado do argentino Astor Piazzolla em terras brasileiras e é a prova do profundo diálogo musical entre os dois maiores países da América do Sul. Baseado no Rio de Janeiro, o trio é formado pela pianista Estela Caldi e por dois de seus filhos, Alexandre Caldi (saxofones e flautas) e Marcelo Caldi (acordeom). Além do álbum Tangos hermanos, possui outros três discos gravados: LiberTango – a música de Astor Piazzolla (Delira, 2005), Cierra tus ojos y escucha (Delira, 2007) e Porteño (Delira, 2010).

Os amantes de tango no Brasil costumam lotar as apresentações do grupo. O sucesso mais recente foram os shows ao lado de Soraya Ravenle no Theatro NET e no Teatro Rival (2014 e 2015), além da estreia com a atriz-cantora no Festival Internacional Tango Brasil, no CCBB-RJ, em dezembro de 2013. Foi o destaque do Festividade – Festival da Terceira Idade, em 2014, no Teatro da Uerj, ao lado das cantoras Nina Wirtti e Grazie Wirtti. Em 2013, o grupo se apresentou em São Paulo, no Teatro Décio de Almeida Prado; em Londrina, no Festival de Inverno; em Belo Horizonte, no Festival Internacional de Acordeom, entre outros.

Foi destaque na Fundação Eva Klabin, lotando a casa por três noites consecutivas (feito inédito), na Sala Funarte Sidney Müller e na Sala Baden Powell, no Rio de Janeiro. Já em 2012, o grupo foi destaque na programação do Centro Municipal de Referência da Música Carioca e se apresentou no Programa Sala de Concerto, com Lauro Gomes, na Rádio MEC. O LiberTango bateu recorde de público no Teatro Carlos Gomes, em agosto de 2011 e foi casa cheia no Teatro da Academia Brasileira de Letras, em novembro do mesmo ano.

 

Foto: Cyntia Santos

 

SERVIÇO:

 

Espetáculo “Tangos hermanos”

LiberTango

 

5 e 6 de outubro, sexta-feira e sábado, às 20h

Teatro da UFF (R. Miguel de Frias 9, Icaraí – Niterói. Tel.: 21 2629-5205)

 

Ingressos: R$ 50, com meia-entrada para pessoas com mais de 60 anos, professores e servidores da UFF, e estudantes

 

Livre para todos os públicos

Duração aproximada: 80 minutos

 

Faça seu comentário
movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.