LateralMPBProgramaçãoRio de Janeiro

Espetáculo teatral ‘Mona canta Linda’

Peça de Mona Vilardo conta a história da primeira Rainha do Rádio, intercalada por músicas, e fica em cartaz no Teatro Maison de France.

Abram alas que a primeiríssima Rainha do Rádio vai passar! Em 2019, Linda Batista, também conhecida como A Estrela do Brasil, completaria 100 anos. E é em homenagem a esse centenário que a cantora Mona Vilardo faz o espetáculo teatral “Mona canta Linda” no Teatro Maison de France – estreia no dia 16 de outubro (quarta-feira). A peça fica em cartaz todas as quartas-feiras até 11 de dezembro.

Cantora, atriz, escritora e professora de música, Mona tem uma pesquisa que já completa dois anos sobre a memória das Rainhas do Rádio – o famoso concurso da Associação Brasileira de Rádio, que deu o título por 11 anos a Linda, e que também marcou a clássica rivalidade de Marlene e Emilinha Borba. Em 2017, Mona estreou uma peça saudando Dalva de Oliveira, que passou pelos teatros Maison de France, Dulcina, da UFF e Municipal de Niterói.

O sucesso com o espetáculo em homenagem a Dalva motivou Mona a mergulhar na pesquisa sobre Linda Batista neste ano de centenário. Em junho, a artista lançou três clipes no YouTube com três canções que foram sucesso na voz de Linda – “Risque”, de Ari Barroso, “Vingança”, de Lupicínio Rodrigues, e “Me deixe em paz”, um samba de Monsueto. As gravações foram na Urca – importante cenário dessa história.

Linda foi a rainha das marchinhas e a que ficou por mais tempo com a faixa de Rainha do Rádio. Foram 11 anos! Ela fazia coleções de joias e vestidos, e era considerada a mais chique entre as Rainhas do Rádio. Ao contrário de Dalva, não viveu um amor passional. O maior caso dela era com a própria carreira”, conta a artista e pesquisadora.

 

Livro infanto-juvenil

Esse ano, Mona lançou o livro infanto-juvenil “Dalva, minha vó e eu”, primeiro da coleção “Elas por ela — As rainhas do rádio por Mona Vilardo”. A publicação conta, através das memórias entre uma neta e a avó, detalhes da vida e das canções de Dalva de Oliveira. Pelo sucesso da obra, Mona esteve na Festa Literária Internacional de Paraty de 2019.

Uma segunda edição está a caminho, e será lançada no Teatro Maison de France, na estreia da atual temporada de Mona. A obra tem o prefácio assinado por Ricardo Cravo Albin, e conta com a curadoria de Rona Hanning (curadora do espaço infantil da Bienal do Livro). “A ideia surgiu principalmente pela falta de registros da Época de Ouro do Rádio e de suas Rainhas para o público infantil, e já está sendo adotado em algumas escolas de Niterói“, explica a artista.

 

Ficha técnica

Texto: Márcia do Valle e Mona Vilardo
Direção: Vilma Melo
Direção musical e Arranjos: Marcelo Alonso Neves
Iluminação: Aurélio de Simoni
Cenário: Carlos Alberto Nunes
Figurino: Ney Madeira e Espetacular Produções Artísticas
Partituras e Arranjos : Alexandre Prado

Fotos e vídeos para divulgação: Lúcio Laranjeira
Design: Inova Brand
Fonoaudióloga: Verônica Machado
Produção: Filomena Mancuzo

Assessoria de imprensa: Matheus Vieira
Músicos: Kuko Moura (piano), Ricardo Nascimento (trompete), Ayres D’Athayde (percussão) e Francisco Falcon (contrabaixo acústico)

 

PROGRAMA

David Nasser e Herivelto Martins
O maior samba do mundo

Nássara e Wílson Batista
Chico Viola

Herivelto Martins
Amélia na Praça Onze 

Herivelto Martins
Cinderela lá no morro 

Candeias Jr.
Lata d’água na cabeça

Lupicínio Rodrigues
Volta 

Lupicínio Rodrigues
Vingança

Ary Barroso
Risque

Aldo Cabral / Herivelto Martins
Bom dia

Luís Soberano/Waldomiro Pereira/João Sales
Enlouqueci + Madalena

Lupicínio Rodrigues
Foi assim

José Mariano Barbosa (Marambá)
Criado por vó

Felisberto Martins e Lupicínio Rodrigues
Dona Divergência

Armando Cavalcanti / Klécius Caldas
Abre a porta São Pedro

Luiz Antônio e Eurico Campos
Quero morrer no Carnaval 

Airton Amorim e Monsueto
Me deixe em paz (ela entra no medley final)

Chiquinho Sales
Eu fui à Europa

 

 

SERVIÇO

 

“Mona Canta Linda”, de Marcia do Valle e Mona Vilardo, com Mona Vilardo

Temporada de 16 de outubro a 11 de dezembro, às quartas-feiras, às 19h

Teatro Maison de France (Av. Presidente Antônio Carlos 58, Centro – 21 2544-2533)

Ingressos: R$ 50 (inteira) / R$ 25 (meia-entrada) / R$ 20 (ONGs)

À venda na bilheteria e no site www.tudus.com.br

Classificação indicativa: 12 anos

 

Faça seu comentário
movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.