LateralMúsica de câmaraProgramaçãoRio de Janeiro

Projeto “Vital para o Brasil” no Centro de Artes UFF

No dia 13 de outubro, às 10h30, o Duo composto por Érika Ribeiro (piano) e Alejandro Aldana (violino), apresentará o próximo concerto da Série Vital para o Brasil, no Cine Arte UFF.

No programa, obras de Beethoven, Schumann e De Falla. O concerto é realizado em parceria com o Instituto Vital Brazil, por meio da Série de concertos “Vital para o Brazil”, comemorando o centenário do IVB. Até o fim do ano, outras atividades conjuntas serão realizadas dentro da cooperação entre o Instituto e a UFF. Curadoria de Eduardo Monteiro.

 

PROGRAMA

Ludwig Van Bestrhoven (1870-1927)
Sonata para violino e piano n. 5 em Fá maior, op. 24, “Primavera”
– Allegro
– Adagio molto espressivo
– Scherzo. Allegro molto – Trio
– Rondo. Allegro ma non troppo

Robert Schumann (1810-1856)
Sonata para violino e piano n. 1, em lá menor, op. 105
– Mit leidenschaftlichem Ausdruck
– Allegretto
– Lebhaft

Manuel de Falla (1876-1946)
Sete canções populares Espanholas
El paño moruno
Seguidilla murciana
Asturiana
Jota
Nana
Canción
Polo

 

SERVIÇO

 

Projeto Vital para o Brasil – Duo Érika Ribeiro (piano) e Alejandro Aldana (violino)

Dia 13 de outubro, domingo, às 10h30

Cine Arte UFF (Rua Miguel de Frias, 9 – Icaraí, Niterói – 2629 5030)

Ingressos: R$ 20 e R$ 10 meia

Classificação: livre

 

 

Alejando Aldana

Spalla da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal de São Paulo desde 2018. Entre 2011 e 2015, foi Spalla da OSB. Na Alemanha, tocou na Orquestra da Ópera de Stuttgart e foi Spalla convidado da Ópera de Frankfurt e da Museumsorchester. Já tocou com Valery Gergiev, Herbert Bloomstedt, Iván Fischer, Manfred Honeck, Temirkanov, Charles Dutoit, Daniel Harding, Pierre Boulez, Gustavo Dudamel, Seymon Bychkov, Tilson Thomas, Christoph Eschenbach, Jap van Zweeden, Christoph Dohnany, Eiji Oue.

Alejandro mantém intensa atividade como solista, já tendo se apresentado com várias orquestras do Brasil (Sinfônica do Theatro Muncipal de São Paulo, OSB, USP-Filarmônica), Argentina (Sinfônica de Mar del Plata, de Rosario, Filarmônica de Rio Negro), da Alemanha e da Itália. Também se apresenta com diversas formações de música de câmara. Em outubro de 2018, fez o seu Debut na Grande Sala do Teatro Colón com as sonatas de Beethoven e de Mauricio Kagel para piano e violino.

Foi vencedor dos seguintes concursos internacionais: El sonido y el Tiempo, em Buenos Aires; F. Zadra, na Itália e Northan Music Collaege, em Buenos Aires. Alejandro Aldana nasceu no Brasil e, aos sete anos, mudou-se para a Argentina. Estudou no Instituto Universitário Patagônico de Artes com os Professores Elvira Faseeva e Ljerko Spiller onde formou-se como Professor de violino. Estudou ainda na Universidade de Frankfurt com Walter Forchert. Fez master class com Christian Tettzlaff e Julia Fischer. Participou dos festivais internacionais de Verbier, Lucerne Academy, Schlewsig Holstein e YOA.

 

Érika ribeiro  

Conhecida pela elegância, inteligência e sutileza de suas interpretações, a pianista Erika Ribeiro é considerada uma das artistas mais destacadas de sua geração. Sua musicalidade singular e grande versatilidade combinam em sua carreira trabalhos como solista, recitalista e camerista. Vencedora de 10 concursos nacionais de piano – entre eles o III Concurso Nélson Freire, e premiada em mais de 20, Erika tem se apresentado como solista nas principais salas de concerto do país, como Sala São Paulo, Sala Minas Gerais, Theatro Municipal de São Paulo, Theatro Pedro II, Cidade das Artes, Sala Cecília Meirelles, etc.

Atuou como solista à frente das orquestras: Orquestra Sinfônica Brasileira, Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, Orquestra Sinfônica Nacional, Experimental de Repertório, Sinfônica do Espírito Santo, Filarmônica de Gaia (Portugal), Filarmônica de Kalisz (Polônia), entre muitas outras, e realiza com frequência parcerias ao lado de destacados maestros e músicos. Seu primeiro CD “Images of Brazil” em parceria com a violinista americana Francesca Anderegg, lançado recentemente pelo selo Naxos “Latin Classics Series”, recebeu elogiosos comentários da crítica especializada, que o classificou como “um dos melhores discos de 2019” (João Marcos Coelho, Rádio Cultura FM) e em “Imagens do que o Brasil tem de melhor” (Irineu Franco Perpetuo, Revista Concerto).

Erika iniciou seus estudos musicais com sua mãe aos quatro anos de idade. Cursou a Escola de Música de Piracicaba e a Universidade de São Paulo, concluindo seu Mestrado em Música sob orientação de Eduardo Monteiro. Estudou durante 2 anos na tradicional Hochschule für Musik ‘Hanns Eisler’ em Berlim (Alemanha), e participou de cursos de aperfeiçoamento pianístico nos Estados Unidos, Suíça e França. É professora de Piano e Música de Câmara e atual chefe do departamento de Piano e Cordas da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UNIRIO.

Faça seu comentário
movimento.com
Responsável pela inclusão de programação e assuntos genéricos no blog.